O PROPÓSITO DE UMA CENA INDEPENDENTE ATIVA

Quando se fala de cena independente hoje em dia, a grande maioria das pessoas tem a imediata relação com um simples circuito de apresentação de bandas. Isso é uma das consequências, ok, mas não o motivo de querermos uma cena ativa. Se fosse só pelas bandas a coisa seria idiota e sem sentido. Seria mais fácil alugar novos lugares e cobrar ingressos que mantenham novos clubes. E para isso não é necessário ter qualquer ideologia ou propósito, só dinheiro.

Independência significa auto-suficiência. Significa criar um ambiente onde o Estado tenha cada vez menos controle sobre o que pensamos, o que produzimos e como vivemos.  Essa é a idéia. Desde sempre a revolta/consciência da juventude foi manipulada e censurada por aparatos que a mantiveram sob controle. Ser independente significa cagar e andar para o que a sociedade pensa e sobre seus bons modos e posturas socialmente aceitáveis. Fazer o que bem entender e da maneira que quiser sem se importar com a opinião alheia.

O propósito de uma cena independente deve ser o de oferecer resistência ao controle do Estado – ou das corporações e instituições que o mantém – sobre o indivíduo e sua plenitude existencial e criativa. O de criar um ambiente onde as pessoas possam conviver da maneira que desejarem, fora dos padrões de controle social. E com isso sim produzir arte, literatura, música e todos derivados de uma existência sem limites. Este é o propósito que foi distorcido, pisoteado e esmagado nos últimos 20 anos. Tornaram pouco a pouco a cena independente em algo meramente termológico, estéril e sem propósito. Um sub-sistema imbecil e sem sentido.

Construir uma nova cena significa oposição direta a tudo isso. E não apenas ser contra, mas enfrentar e destruir toda essa merda. O primeiro passo para a construção de uma nova cena é o resgate do espírito revolucionário que a fez necessária e urgente. Queremos respirar e queremos respirar sem controle do Estado ou da moral capitalista. Você quer? Então use sua raiva para derrubar os muros e seu desejo para criar uma cena boa para você mesmo. Você não quer? Então suma e arrume um emprego pois você faz parte do problema.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s